24/05/2016

10 Fatos Sinistros sobre VOCÊ - Curiosidades, Ciencia


Você conhece de verdade o seu corpo e sua mente? Algumas pesquisas recentes revelaram que nós somos uma das criaturas mais terríveis e nojentas de todo o planeta e eu trouxe 10 desses fatos sinistros para bugar de vez a sua cabeça.

(01) Você é uma Máquina de Flatulência


Pesquisas recentes revelaram que a maioria de nós expele gases pelo menos 10 vezes por dia, adicionando cerca de 1 litro de material mal-cheiroso à atmosfera todos os dias. Isso mesmo, você peida pra caramba! Como se não bastasse, ainda existe um lugar onde você pode quebrar seu record diário de "buzinadas":  o avião.

Se você viaja de avião com frequência, já deve saber disso, mas quando estamos dentro dele em pleno voo, o nosso corpo acelera a produção de gases. Há uma variação muito grande na pressão do ar conforme mudamos de altitude. É por isso que as garrafas pet de água, por exemplo, incham durante o voo e ao aterrissar, murcha. A mesma coisa acontece em sua barriga. Os gases do seu abdômen se expandem, deixando a sensação de leve inchaço. Para lidar com isso, a maioria de nós deixa escapar, esperando que os outros não notem.

O excesso de peidos durante os voos ficou tão grave que as companhias aéreas já utilizam filtros de carvão superabsorvente de odores no ar condicionado e considera a possibilidade de colocá-los inclusive nos assentos. Na década de 1960, houve até uma especulação de que esses gases poderiam resultar em uma explosão da aeronave por acreditarem que esse fosse altamente inflamável. E é, mas hoje sabemos que esse não é um risco iminente.

Christian Poncheval
Aliás, já existe uma cápsula antiflatulente, foi inventada por um francês, Christian Poincheval, de 65 anos, que faz com que os peidos cheirem como rosas, mas também tem a opção chocolate. Vai do gosto do cliente. Elas contêm em sua fórmula, carvão vegetal, erva-doce, algas, resina vegetal, mirtilo e cacau. E está disponível na versão "redutor de odores para cães", caso seu cachorrinho seja um peidorreiro também!


(02) Você é um Cutucador de Nariz


Arrancando enormes "boogers" ou "caracas" do seu nariz, você é a máquina perfeita de espalhar germes e ver alguém fazendo isso é muito nojento. No entanto, a maioria de nós faz isso. Em 1995, dois pesquisadores americanos decidiram estudar a proporção das "Colheitas de Nariz" no Estado de Wisconsin, EUA. Dos 1.000 participantes adultos, eles descobriram que 91% deles tirou caraca do nariz pelo menos algumas vezes por dia. Dois eram verdadeiros catadores dedicados e sentiam que o hábito estava arruinando suas vidas.

Caso você esteja se perguntando se isso pode ser aplicado em outros lugares, saiba que outros estudos apresentaram resultados semelhantes. Um deles teve como alvo 200 adolescentes de cinco escolas na cidade de Bangalore, na Índia, e descobriram que essencialmente 100% deles eram catadores. Se você está lendo isso agora com o dedo no nariz, fique na boa, porque você não é o único.

(03) Você quer Fazer Sexo com Você Mesmo


Na lenda grega, Narciso era um cara bonito, que notoriamente se apaixonou por seu próprio reflexo, levando à sua morte. Mas você, por outro lado, não quer nada mais além do que manter uma relação quente e selvagem, mas com você mesmo!

Os cientistas sabem há muito tempo que todos nós temos a tendência de nos sentirmos atraídos por pessoas que se parecem conosco. Há até mesmo um fenômeno na comunidade de gays e lésbicas conhecido como "geminação", que é quando um casal de aparência semelhante começa a se vestir e a pentear-se tão parecidos que as pessoas começam a confundi-los como irmãos ou gêmeos.

Em 1999, uma equipe de cientistas decidiu ver o quão longe esta atração por pessoas semelhantes podia chegar. Eles tiveram, como amostras, homens e mulheres heterossexuais e avaliaram a capacidade de atracão deles por vários rostos que lhes eram mostrados em uma tela. Desconhecido para os participantes, um dos rostos era o seu próprio rosto, alterado digitalmente para parecer como uma pessoa do sexo oposto.

Quer adivinhar o que aconteceu em seguida? Quase todos os participantes escolheram seu próprio rosto, com gênero invertido, como o mais atraente que tinha sido mostrado, sem saber que lhes pertencia. Em outras palavras, a maioria de nós idealiza nossos parceiros como alguém que se pareça conosco.

(04) Você é um Farejador


O termo "cheirador de calcinha" é um insulto, claro, sugerindo que o sujeito é um pervertido assustador que não consegue controlar seus impulsos olfativos. Embora não reconheçamos, se bem que não a este nível terrível, a maioria de nós somos quase isso. Por exemplo, você passa o tempo todo cheirando seus amigos em busca de possíveis odores, de suor, principalmente.

Mas não entre em pânico. Todos nós fazemos isso inconscientemente. O nosso suor carrega toda uma série de produtos químicos que mudam sua combinação, dependendo da causa. Podemos estar suando porque estamos com medo, estressado, com dores, ou simplesmente porque acabamos de encontrar o Crush. O ponto é: o nosso suor muda a sua composição e odor devido ao que estamos sentindo. E os cientistas estão convencidos de que estes diferentes cheiros são uma parte vital da comunicação humana não-verbal.

Uma abundância de estudos descobriram que podemos inconscientemente dizer o que provocou suor em alguém. Nossos próprios corpos, então, respondem emocionalmente a esses estímulos. Então, quando sentimos o cheiro de medo no suor, tornamo-nos mais alertas ao perigo. Quando sentimos o cheiro do suor causado por alguém que está sentindo nojo, nossas expressões faciais imitam esse desgosto. Portanto, instintivamente, nos comunicamos através do cheiro de maneira bastante eficaz.

(05) Você bebe Catarro


Fluidos corporais são quase todos nojentos. É por isso que filmes como Caça-Fantasmas e A Morte do Demônio deixam seus protagonistas cobertos de meleca. É a maneira mais eficaz de fazer o público gritar "eww", com aquela cara de nojo.

No entanto, esta repulsa instintiva, aparentemente, não se aplica quando se trata de nós mesmos. Todos os dias, você bebe alegremente o equivalente a cerca de 1 litro de catarro puro. Nossos corpos estão constantemente fabricando muco. O trato respiratório médio é responsável por bombear mais de um litro a cada dia. E todo esse lamaçal do nariz tem que ir pra algum lugar. Então, seu corpo evoluiu um monte de pequenos pelos nasais chamados cílios. Seu trabalho é mudar constantemente o muco de suas passagens nasais, lançando-o para baixo, na parte de trás de sua garganta. De lá, você engole. Delícia!

(06) Você tem Fantasias Sexuais Estranhas


A maioria de nós não gosta de falar abertamente sobre nossas fantasias sexuais. E quando falamos, é de maneira mais normal possível: "Eu gosto de loiras com seios grandes", "Eu gosto de bombeiros", etc. Mas a ciência diz que suas fantasias são menos coloridas do que você quer transparecer. Na verdade, ela diz que seus gostos são francamente estranhos.

Em 2014, pesquisadores no Canadá analisaram ​​mais de 1.500 pessoas adultas para descobrir em que tipo de coisas suas fantasias estavam envolvidas. A partir daí, os pesquisadores diluíram as fantasias em temas comuns e atribuiu-lhes um número do quão estatisticamente era provável que elas estariam na cabeça de homens ou mulheres. Os resultados fizeram uma leitura interessante.

Por exemplo, mais de 80% de ambos os sexos sonhavam em fazer sexo em "um lugar incomum." Mais da metade das mulheres e mais de dois terços dos homens fantasiam em ter relações sexuais publicamente, enquanto mais da metade de ambos os sexos sonham em ser dominados. Quase dois terços de todos os homens gostariam de ser despidos enquanto inconscientes. Mais da metade de todas as mulheres simpatizaram com a ideia de ter relações sexuais com mais de três pessoas ao mesmo tempo.

Mas ainda não falei das coisas mais estranhas ainda. Cerca de 45% dos homens imaginam ter relações sexuais com dois homens, apesar de apenas 3,6% dos entrevistados estarem identificados como homossexuais. Quase um quarto se sentiram atraídos pela ideia de manusear seus órgãos genitais em um lugar público. Enquanto isso, cerca de um terço das mulheres gostaram da ideia de ser forçado a ter relações sexuais, e 41% gostariam de amarrar alguém para obter prazer sexual. Resumindo, a ciência diz que você provavelmente já tem algumas coisas incrivelmente estranhas acontecendo em sua cabeça. Mas, novamente, você não está só, o mesmo acontece com todo mundo que você conhece.

(07) Você odeia seus Amigos


Os amigos estão destinados a ser os pontos positivos da nossa existência, o bônus de alta pontuação que obtemos como uma recompensa por estar longe da família. Há até evidência científica de que os amigos são impressionantes: estudos têm demonstrado que ter fortes laços sociais pode ser ainda melhor para sua saúde do que parar de fumar.

No entanto, a maioria de nós não se contenta em ter bons amigos. Queremos ter maus amigos também. A probabilidade é que a maioria dos que estão lendo isso tem amigos a quem você basicamente ama odiar. Conhecido como "frenemies," o amigo-da-onça é um fenômeno crescente que está recebendo nova atenção científica. Na maioria dos casos, estas são as pessoas que nos estressam, o cara que sempre acha nossas histórias chatas, a menina que torce o nariz para cada realização nossa. No entanto, nos sentimos presos a eles devido ao trabalho ou a um grupo em comum ao qual pertencemos. Embora nós os chamemos de "amigos", a realidade é que eles estão nos matando lentamente.

Passar tempo com frenemies tem sido associado a hipertensão arterial, aos níveis de estresse insanos, e até mesmo um risco aumentado de câncer. Pode parecer um pouco estranho, mas acredite: "Amigo", você provavelmente tem razão de odiar esses em particular.

(08) Você é um Roedor de Unhas


Assim como cutucar o nariz, roer as unhas é um desses hábitos repugnantes que ninguém gosta de admitir. Embora este hábito provavelmente não vá espalhar uma doença horrível e matar todo mundo e tudo o que você já amou, ainda é desagradável. No entanto, a maioria de nós já roeu unhas em algum momento de nossas vidas.

De acordo com a ciência, há uma grande chance de você já ter roído unhas durante a sua adolescência. Em geral, as crianças e os adolescentes são mais propensos a comportamentos compulsivos que os adultos. E roer as unhas pode ser um dos mais compulsivos de todos eles. Um estudo canadense da década de 1990 diz que o número de crianças que o fazem é de 33% e o número de adolescentes sobe para 45%.

Especulam que poderia ser um elemento hereditário. Se algum membro mais velho da família rói unhas, você é mais propensos a roer também. Outras sugestões são de que ele é um comportamento de transferência que começa quando as crianças percebem que eles estão velhos demais para chupar seus polegares, mas não querem desistir do conforto de ter algo em suas bocas.

(09) Você Faz Muito Rápido


Qual é o tempo ideal que deve durar uma relação sexual? Enquanto a resposta óbvia seria "o tempo todo," a realidade é que a maioria de nós têm empregos e corpos flácidos que se cansam facilmente. Então, quanto tempo você acha que consegue ficar na cama? Quarenta e cinco minutos? Uma hora?

Eu odeio te desapontar, mas acho que você está super valorizando, campeão. A média de tempo que as pessoas conseguem manter a magia é de cerca de 15 minutos. Isto é uma verdade para casais heterossexuais e nas relações homossexuais masculinas esse tempo sobe para cerca de 30 minutos.

Dos 800 indivíduos estudados por pesquisadores, quase nenhum rompeu a barreira de 1 hora de duração e a maioria se resignou a apenas um quarto desse tempo. Impressionantemente, isso é realmente mais do que outros estudos têm reivindicado. Para os homens, a quantidade média de tempo entre a penetração e orgasmo é frequentemente dada como algo em torno de dois minutos. Não é de admirar que sua namorada sempre pareça infeliz. Mas há uma exceção a esta regra. O primeiro estudo descobriu que casais de lésbicas em média duram entre 30 e 45 minutos, com um grande número quebrando a barreira mágica de uma hora.

(10) Você é Controlado por um Parasita


Como se sentiria se você descobrisse de repente que sua vida não era sua de verdade? Que alguma coisa estava afetando suas decisões diárias, alterando seu humor, e, geralmente, executando a sua existência em seu próprio benefício? Muito estranho, não? Bem, prepare-se para algumas más notícias.

Há uma assustadora chance de que isso é exatamente o que está acontecendo com você. Sabemos há anos que existem certos parasitas que podem controlar animais. Os vermes Spinochordodes tellinii, por exemplo, infecta gafanhotos e os força a cometer suicídio pulando para a água onde esses vermes se reproduzem. No entanto, só recentemente começamos a perceber que esses organismos poderiam afetar os seres humanos também. O principal candidato é Toxoplasma gondii.

Encontrado no solo, em carne estragada e fezes de gato, este parasita unicelular instala-se no cérebro e há estudos que revelam que ele pode ter infectado até um terço de todos os seres humanos. Esses mesmos estudos sugerem que ele muda suas personalidades. Em 2006, foi descoberto que o Toxoplasma gondii poderia detonar sua mente da mesma maneira que uma lesão cerebral. Julgamento, inteligência, e afeto - áreas potencialmente significativas na determinação da sua personalidade - foram todos alterados pela criatura.

Há ainda uma Teoria de que o Toxoplasma gondii poderia ter inadvertidamente ajudado a moldar a cultura humana ao longo dos séculos. Se isso for verdade, então é inteiramente possível que devemos o mundo moderno menos à capacidade humana e mais aos monstros de um pesadelo sem fim que vivem em nossos crânios.
....

E então, qual desses fatos deixou você mais aterrorizado? Confesso que é perturbador saber que pode haver "bichinhos" morando em meu cérebro e vivendo por mim!

Fonte: New Science, Weird Technology, Human Space Research.

Nossas Redes Sociais